O marketeiro digital. Ajudando a aproximar empresas e clientes por meio da internet e das redes sociais.


Photoset

out. 23, 2013
@ 2:14 pm
Link permanente

Hoje é aniversário do Rei do Futebol. Não poderíamos deixar de homenagear um dos maiores símbolos do nosso País. Parabéns Pelé!!! Obs: ele está completando 73 anos.


Foto

out. 9, 2013
@ 5:13 pm
Link permanente

A internet nunca para de crescer e os números são sempre impressionantes. Cerca de 2,7 bilhões de pessoas, ou 40% da população mundial, estarão conectadas até o fim deste ano, anunciou a ONU na última segunda-feira (7). Somente no ano passado, a internet ganhou 250 milhões de pessoas. E aí, sua empresa vai continuar de fora?Fale com a gente: 67 8404.4905 e 9206.9167

A internet nunca para de crescer e os números são sempre impressionantes. Cerca de 2,7 bilhões de pessoas, ou 40% da população mundial, estarão conectadas até o fim deste ano, anunciou a ONU na última segunda-feira (7). 

Somente no ano passado, a internet ganhou 250 milhões de pessoas. E aí, sua empresa vai continuar de fora?

Fale com a gente: 67 8404.4905 e 9206.9167


Foto

set. 18, 2013
@ 8:14 am
Link permanente

Há 43 anos morria uma lenda do rock e do blues. Até mais Jimi!

Há 43 anos morria uma lenda do rock e do blues. Até mais Jimi!


Foto

set. 11, 2013
@ 2:02 pm
Link permanente
2 notas

ESQUEÇA os atentados terroristas de 2001. Você pode dar ao 11 de Setembro um novo significado. A data poderá ser lembrada como o da mudança para a sua marca. Poderá ser o dia em que a sua empresa deu o passo mais importante rumo ao sucesso. Invista em publicidade! Invista na Internet! 

ESQUEÇA os atentados terroristas de 2001. Você pode dar ao 11 de Setembro um novo significado. A data poderá ser lembrada como o da mudança para a sua marca. Poderá ser o dia em que a sua empresa deu o passo mais importante rumo ao sucesso. Invista em publicidade! Invista na Internet! 


Texto

set. 5, 2013
@ 4:41 pm
Link permanente

Por que não Quadrado?

Muita gente pergunta de onde veio o nome Sr. Quadrado. Fizemos esta publicação para responder este questionamento.

Há muitos e muitos anos os quadrados têm sido INJUSTIÇADOS. A palavra quadrado chegou até mesmo a virar sinônimo de pessoa retrógrada. Tudo porque a forma geométrica tem os lados iguais e os ângulos retos. Mas aqueles que criticam e rotulam esquecem que o quadrado faz parte de momentos especiais de todas as pessoas.

A aliança de casamento é um círculo, mas vem dentro de uma elegante caixinha quadrada. Um dos brinquedos mais fascinantes que existe é o cubo mágico. Outros jogos que exercitam a mente são formados por quadradinhos. É o caso do bom e velho Tetris, do tabuleiro de Xadrez e das Palavras Cruzadas, que enriquecem o nosso vocabulário.

Quando você vai publicar uma foto no Instagram, no Foursquare ou mesmo no Facebook, a forma quadrada está lá. E o que há de retrógrado no formato das fotos do Instagram? Nada.

Para corrigir séculos de injustiça e ainda elevar ao quadrado os relacionamentos das empresas com os clientes criamos a agência Sr. Quadrado. Agora, o Sr. Quadrado irá provar que não lhe falta criatividade e inovação.

Se você também é contra a discriminação e a injustiça contra os quadrados compartilhe este post.

Um abraço,

Paulo Fernandes - Diretor de Conteúdo

Dayse Gomes - Diretora de Marketing

compartilhe_acessibilidade: as imagens desta publicação são do esboço de um quadrado, um cubo mágico e um jogo de palavras cruzadas.


Photoset

ago. 21, 2013
@ 6:03 pm
Link permanente
5 notas

Linda de compartilhar! Essa é a campanha que o Sr. Quadrado criou para os 114 anos de Campo Grande. As fotos utilizadas foram gentilmente cedidas pelo fotógrafo Giuliano Lopes.

As cores usadas são as da bandeira de Campo Grande.

‪#‎compartilhe_acessibilidade‬: As imagens são de três lugares de Campo Grande: a Praça das Araras, o Mercadão Municipal (mais especificamente as ervas de tereré que estão sendo vendidas) é o obelisco. Ao lado das imagens está a frase: “114 anos de história, Campo Grande é linda de compartilhar”.


Photoset

ago. 20, 2013
@ 6:01 pm
Link permanente
3 notas

O Mercadão Municipal

Campo Grande está com quase 114 anos, mas continua arrancando suspiros. Quem nunca ouviu falar, por exemplo, do pastel do Mercadão?

O Mercado Municipal Antonio Valente é um dos mais tradicionais pontos comerciais e turísticos da cidade. Ele nasceu a partir de uma feira livre que era realizada na área onde hoje está localizado o seu estacionamento.

O terreno para a construção do centro comercial foi doado à prefeitura por um dos feirantes, Antonio Valente, que como homenagem acabou dando nome ao prédio.

No começo eram vendidos no Mercadão apenas frutas, verduras, legumes e carnes, mas com o passar do tempo os comerciantes começaram a diversificar a oferta de produtos.

Hoje são mais de 140 bancas e 70 boxes onde são comercializadas desde ervas medicinais, passando por queijos, doces, artesanato, bebidas típicas, frutas, legumes, verduras, salgados e sucos a carnes e peixes.

E um dos símbolos do Mercadão é o pastel. A estimativa é que por dia sejam comercializados 700 pasteis no local.

As fotos desta publicação são de Giuliano Lopes.

Tem alguma foto de Campo Grande que mereça ser compartilhada? Mande para a gente: mailto: senhorquadrado@gmail.com

 

#compartilhe_acessibilidade: Esta publicação possui duas fotos. A primeira delas é em preto e branco e mostra uma visão aérea do Mercadão Municipal.

Já a segunda imagem é dos vários tipos de erva de tereré que são vendidos no Mercadão. A imagem também traz a frase: “114 anos de história, Campo Grande é linda de compartilhar”. A frase está escrita sobre um fundo azul. A cor foi escolhida por causa da bandeira de Campo Grande, que possui também amarelo e vermelho. 


Texto

ago. 13, 2013
@ 1:02 pm
Link permanente

Você reparou?

Você deve ter reparado que algumas das publicações recentes deste blog possuem a hashtag #compartilhe_acessibilidade e a descrição das fotos. A intenção é permitir que as pessoas cegas também possam acompanhar o blog do Sr. Quadrado. 

A ideia não surgiu do nada. Um dos clientes do Sr. Quadrado é o Ismac (Instituto Sul-Mato-Grossense para Cegos Florivaldo Vargas). A intenção é que mais blogueiros também passem a descrever as fotos que publicam. Sabemos que dá trabalho, mas ajuda a integrar as pessoas que não podem ver.

#compartilhe_acessibilidade: A imagem contém as frases: “acessibilidade não é só fazer rampas” e “o blog do Sr. Quadrado também passará a ser acessível para pessoas cegas”. As cores usadas são branca, preta e laranja.  


Photoset

ago. 12, 2013
@ 4:41 pm
Link permanente

Um tema, duas campanhas, duas linguagens.

Veja só dois exemplos de como o Dia dos Pais e o Dia da Vovó são para a FanPage e as mídias sociais da nossa cliente Recortes Ateliê, que atende mulheres da alta sociedade, e para a nossa própria FanPage, que vende criatividade para um público ligado em novidade e tecnologia.

#compartilhe_acessibilidade: Na imagens da Recortes Ateliê as cores predominantes são vermelha e branca. Já nas imagens do Sr. Quadrado sempre há um pouco de amarelo. A imagem de cima é das campanhas do Dia dos Pais. No caso da Recortes, o desenho é de uma gravata. No do Sr. Quadrado, em vez de uma gravata está acontecendo um esganamento, do personagem de desenho animado Homer no filho Bart.

#compartilhe_acessibilidade 2: Já a segunda imagem é das campanhas do Dia da Vovó. Para a Recortes, o desenho é de uma cadeira de balanço. Para o Sr. Quadrado foi usada a foto de uma senhora fazendo o símbolo de rock in roll e a frase: “todas as vovós merecem um super parabéns por serem únicas”.


Vídeo

ago. 9, 2013
@ 2:13 pm
Link permanente
5 notas

Para se comunicar não precisamos usar palavras. Veja só esta história:

A sérvia Marina Abramovic viveu um grande amor nas décadas de 70 e 80. O tempo passou e ela se tornou uma artista renomada.

Em 2010, ela protagonizou uma performance marcante em A Artista Está Presente, no MoMA (Museu de Arte Moderna de Nova Iorque).

No período de 14 de março a 31 de maio, durante seis dias por semana (totalizando de 736 horas), ela repetiu a mesma postura. Marina ficava sentada em uma sala e recebia os visitantes, um a um, e trocava com cada um deles um longo olhar sem palavras. Ao redor, o público assistia a essas cenas recorrentes.

O que ela não esperava é encontrar na cadeira oposta o seu antigo parceiro e companheiro Ulay, com quem trabalhou e viveu entre 1976 e 1988.

Fonte: O Estado de S. Paulo http://migre.me/fHCvr, Zero Hora http://migre.me/fHCwp e outros.